12.06.2017

[Resenha] Deixada para Trás


SINOPSE: Nicole Cutty e Megan McDonald são alunas do ensino médio na pequena cidade de Emerson Bay, Carolina do Norte. Quando elas desaparecem de uma festa na praia em uma noite quente de verão, a polícia inicia uma busca maciça. Nenhuma pista é encontrada e a esperança é quase perdida, até Megan milagrosamente aparecer depois de escapar de um bunker no fundo da floresta.
Um ano depois, o best-seller de sua provação transformou Megan de heróina local para celebridade nacional. É uma história triunfante e inspiradora, exceto por um detalhe inconveniente: Nicole ainda está desaparecida.
A irmã mais velha de Nicole, Livia, é uma perita forense e espera que em um breve dia o corpo de Nicole seja encontrado e entregue a alguém como ela para analisar as provas e finalmente determinar o destino que sua irmã teve. Em vez disso, a primeira pista para o desaparecimento de Nicole vem de outro corpo que aparece no necrotério, de um jovem ligado ao passado de Nicole. Livia vai até Megan para pedir ajuda, esperando descobrir mais sobre a noite em que as duas foram levadas. Outras meninas também desapareceram e Livia está cada vez mais certa de que os casos estão conectados.
Mas Megan sabe mais do que ela revelou em seu livro best-seller. Flashes de memória estão se juntando, apontando para algo mais escuro e mais monstruoso do que sua memória descreve. E quanto mais ela e Livia cavam, mais elas percebem que às vezes o verdadeiro terror está em encontrar exatamente o que você está procurando.
Esse livro é para você fã de tramas intrincadas, que deixam aquele gosto um tanto amargo na boca, que surpreendem e trazem muitos sentimentos diferentes. Eu me surpreendi, e muito!
“Uma vida pode acabar, mas às vezes seu caso vive para sempre.”
Quando a editora Faro ofereceu este lançamento para os parceiros logo me interessei, ainda não li nada do autor, mas já conhecia a fama dele e o sucesso que foi o livro A garota do lago. Logo li a sinopse e fiquei extremamente curiosa com a premissa.

A Escuridão sempre fez parte da vida de Nicole Cutty. Nicole a procurou e Flertou com ela. Sua curiosidade a levou ao encantamento pela escuridão do jeito mais estranho. Ultimamente, de forma doentia, ela se sentia convencida das alegrias de sua companhia. Preferia o negrume da morte á luz da existência. Até esta noite. Até se colocar diante de um abismo que estava morto e vazio de uma maneira nunca vista, com um céu noturno sem estrelas. Ao se ver diante desse abismo entre a vida e a morte, Nicole escolheu a vida. E correu feito louca.
Deixada para trás trás a história de duas adolescentes, Nicole e Megan não tem muito em comum, suas vidas são separadas de muitas formas, mas elas são unidas por um evento: seu sequestro.

Megan consegue fugir do cativeiro, é resgatada e um ano depois do martírio ela lança um livro, contando o que aconteceu, o que lembra e tentando levar a sua vida em frente só tem um problema, Nicole ainda não foi encontrada, e finalizar a história de Megan, seria finalizar também a de Nicole.
Fazia muito tempo que Megan parara de questionar tanto a fascinação do publico por seu sequestro como a sede insaciável pelos detalhes mórbidos de seu cativeiro. E, naquele momento, a ânsia desse publico de ela prosseguir como se nada tivesse acontecido. Megan parou de questionar tudo isso quando enfim entendeu o raciocínio por trás. Sabia que, uma vez que passasse a frequentar a Universidade Duke e a levar uma vida normal, estaria dando permissão a todos que se banquetearam com os detalhes soturnos de sua provação se sentissem bem sobre si mesmos. Sua normalidade era a fuga deles do pecado.
Lívia Cutty é a irmã mais velha de Nicole, ela trabalha no IML e seu maior objetivo é ajudar as pessoas a descobrirem a verdade por trás da morte dos seus entes queridos, ela também deseja encontrar o corpo de sua irmã, e descobrir o que aconteceu a ela.

Um dia ela recebe um corpo, o que a principio parecia um suicídio acaba se tornando a descoberta de uma desova e o mais impressionante, após a mídia revelar a identidade do morto Lívia recebe uma ligação de uma amiga de Nicole, o rapaz encontrado era o namorado de sua irmã na época do sequestro.
"– O cara morto...Casey... que tiraram da baía... Ele era o garoto que Nicole estava namorando naquele verão. Antes de ela sumir."
Lívia se envolve com o caso e corre atrás da trama que envolve o desaparecimento da sua irmã, as descobertas feitas por ela são assombrosas e perigosas, mas ela não irá desistir de descobrir a verdade.

Charlie Donlea me levou a revisitar livros e séries que há muito eu não assistia, Lívia me lembrou a protagonista Temperance Brenan (Bones), sua garra e vontade se superar são muito parecidas, nada melhor que ler um livro e ter flashbacks daqueles personagens que você já amou.

Deixada para Trás tem uma trama intrincada, é dividido em seis partes, onde vamos 'viajando' entre vários pontos da trama, conhecemos a fundo as personagens com uma visão de um mês antes do sequestro, até que ele aconteça realmente. A Narrativa toda em terceira pessoa, trás as visões de Megan, Livia e do sequestrador, deixando o livro tenso e impossível de largar.
A edição do livro está muito satisfatória, é fácil identificar os flashbacks através das folhas mais escuras o que ajuda muito a nos situarmos na trama.


Achei que nenhum livro me surpreenderia tanto esse ano como foi com O Casamento, eu estava muito enganada, Deixada para trás me deixou um sentimento confuso e intenso, que eu ainda não consegui interpretar. Parabéns Charlie Donlea, ganhou (mais) uma fã!

MINHA NOTA





FICHA TÉCNICA 

Autor: Charlie Donlea

N° de Páginas: 368
Editora: Faro Editorial
Onde ComprarAmazon
Este livro foi uma cortesia da Faro Editorial


2 comentários:

  1. Adorei a resenha, Paty.
    Gosto desse tipo de livro cheio de tramas e segredos... então, vai pra lista de "quero ler".
    Xero grande e valeu pela dica!

    ResponderExcluir
  2. A história é sensacional, muito bem elaborada e narrada. A apresentação dos suspeitos é intrigante e o final totalmente inesperado. O livro prendeu-me tanto quanto os de Harlan Coben. Estou impressionado! Lerei outros do mesmo autor.

    ResponderExcluir

Colaboradores