1.01.2018

[Resenha] O Despertar


Sinopse: Erick, o beta da alcateia dos lobos, era o mediador e braço direito do alfa. Belíssimo e bem-humorado, sempre manteve todos unidos e pacíficos, mesmo quando ele próprio quase perdeu sua prudência, enquanto esteve preso nos laboratórios.
Ele acreditava que, se pedisse aos antigos deuses, seria libertado e presenteado com a sua companheira de alma, como profetizava a lenda.
Então, ele foi libertado e, um dia, ela apareceu.
Enquanto isso, Kira era uma jovem doce e solitária, que vivia reclusa em seu mundo, tentando sobreviver com sua arte e sua cegueira.
Ela possuía um segredo que poderia fazer com que Erick, o queridinho da alcateia, já não fosse tão bem-vindo entre os seus. E pior, que além de banidos, eles poderiam ser caçados e mortos pelos lobos.
Nenhum dos dois era o que imaginavam, e quando os segredos são descobertos, trazem à tona a verdade sobre seus ancestrais.
Para proteger sua companheira, Erick mostraria que não seria nada pacífico.

Para tudo que você está fazendo e vem curtir o Erick comigo (Janice querida me dá ele de presente?), brincadeiras a parte, logo que terminei de ler A Herdeira já queria saber o que aconteceria com o Beta da Alcateia de Lobos mais gostosa do mundo!
Em O Despertar nos deparamos com a história de Erick e Kira, só um detalhe, ela é cega desde criança. Como eles se conhecem? Erick a atropela (😱) quando ela sai correndo de dentro da mata fugindo de algo aterrador.
Erick a reconhece como sua companheira de alma desde o primeiro momento, aquela mulher frágil e doce, que por acaso (ou não) morre de medo de lobos. Erick precisa derrubar essa barreira, enquanto a convence que pode ajuda-la e tenta descobrir quem tentou ataca-la e machucou tão seriamente o seu cão guia.
“— Só não quero ser um estorvo.

— Você não é um estorvo — ele disse e beijou lentamente sua bochecha. Ela tocou sua bochecha espantada.

— Por que me beija assim?
— Porque estou me segurando muito para não beijá-la de outra maneira.”
 Erick é um amorzinho, e fiquei babando por ele. Juntamente com o romance de Erick e Kira começamos a conhecer outros elementos do universo criado por Janice, neste livro temos a introdução da Casta das Bruxas, outros tipos de shifters e novas alcateias. Também começamos a entender a história por trás dos lobos, quando eles surgiram e muitos detalhes super interessantes.
Eu sofri muito em alguns momentos deste livro, a história deles é linda mas em alguns momentos dá vontade de pegar chamar a autora e perguntar: “Porquê você é tão má com eles?” Apesar disso é um livro que eu recomendo para todos que gostam de magia, romance e fantasia.
“Precisava viver a dor e a loucura para se curar. Se não fizesse, ele duvidava que conseguisse seguir em frente. Na verdade, ele sabia que nada o faria seguir em frente inteiro novamente, nunca mais.”
Também podemos ter um vislumbre de outros casais durante a trama, eu por exemplo estou ansiosa para conhecer melhor a história de Maddox (acho que Janice é fã de Jamie McGuire hãn?) que é um Shifter de águia.
“- Você é um anjo? – Kira perguntou.
Maddox sorriu lindamente.
– Não, Senhora, eu vi relatos de como humanos imaginam os anjos e acredito que realmente é semelhante a isso, o que considero um elogio, mas eu não sou um anjo. Eu sou um Shifter de águia, o último de minha espécie, temo eu.”
Gente eu fico imaginando ele assim ó:

MINHA NOTA


FICHA TÉCNICA 

Autor: Janice Ghisleri
N° de Páginas: 486
Skoob: O Despertar
Editora: PL
Onde Comprar: Amazon
Resenha Postada originalmente em: Portal Ju Lund
Este livro foi uma cortesia da Editora PL

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Colaboradores